Booking.com

Uma aventura pelo Jalapão



Olá amigos,nesse post vamos mostrar uma aventura pelo Tocantins,esse belo estado que já pertenceu a Goiás e agora faz parte da região norte do Brasil,um lugar cheio de belezas naturais.A viagem pelas estradas de terra foi com carro de passeio,então,imagina como foi a aventura desses dois e inspire-se para pegar a estrada e viver momentos incríveis.



A viagem começa à partir de Palmas,geralmente quem vai visitar o Jalapão começa por Ponte Alta do Tocantins,então fizemos o roteiro inverso.Seguimos em direção a Taquaruçu do Porto,e lá visitamos a cachoeira da roncadeira (essa da foto acima) e também a cachoeira do escorrega macaco,passamos por outras cidadezinhas e visitamos várias cachoeiras.



Chegamos a São Félix do Tocantins e fomos direto conhecer o fervedouro Bela Vista,onde almoçamos,na parte da tarde voltamos a São Félix e fomos no fervedouro do Alecrim onde tem a melhor estrutura (esse da foto acima) a reação que você tem de entrar em um fervedouro pela primeira vez,é incrível,porque você está em uma nascente natural que a água te empurra para cima,você não afunda.Voltamos ao Bela Vista e dormimos no hotel que tem lá.




No Jalapão há vários fervedouros de vários tamanhos e intensidade.Dizem que tem mais de 20,mas poucos estão abertos a visitação e todos ficam em área particular.Todos estão na estrada que liga São Félix a Mateiros.


No outro dia acordamos bem cedo e seguimos em direção a Mateiros,passamos boa parte do dia em um dos lugares mais incríveis que já conhecemos,a cachoeira da formiga (essa da foto acima) a cor da água é espetacular,dependendo da luz,vai de um azul até o verde esmeralda,também está em área particular,tem que pagar R$ 20,00 por pessoa,mas vale muito a pena,pois vai ser uma experiência única.O local possui área para camping e ainda tem um bar para refrescar a garganta na entrada da cachoeira,almoçamos por lá e fomos conhecer o fervedouro do Ceiça.


O fervedouro do Ceiça,é um dos mais famosos do Jalapão,a nascente tem muita pressão e por isso você flutua com muita facilidade,o fervedouro é cercado por bananeiras e a cor da água é incrível,não pode entrar no fervedouro se estiver usando protetor solar ou repelente,outra dica é se tiver com muito movimento,com fila,o visitante só pode ficar 10 minutos.



Chegamos em Mateiros e passamos a noite por lá,saímos no outro dia as 10:30 da manhã para a parte mais longa da estrada,bom tínhamos que conhecer as dunas,só que cometemos um erro,essa é a duna do pôr do sol,então,tínhamos que ter ficado mais um dia em Mateiros para assistir o pôr do sol na duna,mas tudo bem,valeu a visita.Em frente a portaria tem uma pessoa que toma conta tem um bar,ele deu dicas para sempre pegar a esquerda na estrada,e ainda achou que nós não íamos dar conta,pois estávamos de carro de passeio,sem tração 4X4,mas fomos bem,sem problemas.



Almoçamos no bar em frente a portaria e seguimos em direção a cachoeira da velha que fica no rio novo,ficamos deslumbrados com a força da água,a cachoeira tem 100 mts de largura e uma queda de 15 mts,essa cachoeira esta bem famosa agora,pois está na aberturada novela das 9 da globo,o lugar é espetacular.




Depois de visitar a cachoeira da velha fomos conhecer a prainha do Rio Novo,que fica próximo a cachoeira e dependendo da hora fica bem movimentada,pois ela faz parte do roteiro de todas as agências de turismo da região.


Seguimos a estrada em direção a Ponte Alta do Tocantins onde chegamos bem no final da tarde,porque em toda viagem não tinha acontecido de atolarmos na areia,só que um pessoal de UVT (quadriciclos parecendo gaiola para trilhas) nos socorreu e arrastou o carro para fora do atoleiro.



No outro dia,voltamos mais ou menos uns 10 km na estrada em direção a Mateiros e fomos conhecer o cânion sussuapara.Os paredões de pedras com raízes a mostra e fica pingando água o ano inteiro,independente da seca,no final do cãnion tem uma pequena cachoeira com uma água geladinha que ajuda a refrescar do calor do Tocantins.


Seguimos em direção a Pindorama,só que dessa vez com guia,visitamos a cachoeira da fumaça,essa da foto acima.


Depois fomos conhecer a cachoeira e sumidouro no rio do sono e depois a pedra furada que tem um pôr do sol incrível.É o lugar certo para tirar muitas fotos,tem uma trilha até fácil.



Voltamos para Ponte Alta para dormir,e no outro dia passamos por Pindorama e seguimos em direção a Natividade para conhecer a Lagoa do Japonês,que impressiona pela beleza de suas águas cristalinas.A água tem um tom azulado e esverdeado e tem um paredão com cavernas,o lugar é incrível.



Depois da lagoa fomos direto para Natividade e depois Dianópolis para conhecer a Lagoa da Serra no rio conceição,muitos conhecem por lagoa da conceição. Essa lagoa ficou famosa porque segundo moradores suas águas são milagrosas,reza a lenda que quando alguém chega com uma dor ou doença e toma banhos nas suas águas a doença desaparece.


Espero que tenham gostado da nossa aventura,a nossa viagem foi em Janeiro de 2018 e nos locais que íamos passar muito tempo na estrada para conhecer as atrações,sempre íamos em um mercado e comprávamos biscoitos,água,sucos e colocávamos na caixa térmica com muito gelo,e a noite sempre jantávamos em restaurantes.Entramos no estado de Goiás e dormimos em Alto Paraíso na Chapada dos Veadeiros,a viagem durou 5 dias e foi maravilhosa,se gostou deixe seu comentário.

Encontre o melhor hotel para sua viagem e com o melhor preço.Nós trabalhamos com a BOOKING aqui no blog,você pode comparar preços de hospedagem de maneira rápida e segura,se preferir tem a opção de cancelamento gratuito e pode pagar diretamente no hotel,garanta sua viagem dos sonhos agora mesmo.

Se você vai alugar um carro,faça uma cotação agora mesmo com a RENTCARS,ela faz uma busca em todas as operadoras de aluguel de carro,agilizando o seu tempo e te dando a melhor opção de preço,e você ainda pode dividir no cartão de crédito o aluguel do seu carro.



Booking.com